Delícias juninas: Quindim


Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Ainda no clima do São João, vamos falar de outra das delícias juninas, o Quindim.

O quindim é um doce brasileiro, sim senhor! E originário do Nordeste!! Inspirado no doce português conhecido como brisa-de-Lis, o quindim leva coco ao invés de amêndoas.

A história remonta dos conventos portugueses, onde as freiras se utilizavam da clara do ovo para engomar suas roupas, sobrando assim inúmeras gemas que não podiam ser desperdiçadas, por isso elas inventaram diversas receitas feitas com gemas, entre elas a brisa-de-Lis. Chegando ao Brasil, as escravas africanas é quem iam para a cozinha e preparavam essa receita, que por falta de amêndoas passou a ser feita com coco, muito presente no litoral brasileiro e nas casas de engenho.

Também é conhecido como quindim de Iaiá, pois Iaiá era como os escravos da Casa Grande chamavam antigamente as moças, as meninas e até as senhoras da fazenda. As negras escravizadas deram o nome de quindim a esse doce, que significa ‘dengo’, ‘encanto’, e passou a ser oferecido a mais doce de todos os Orixás, Oxum, mãe da meiguice e da doçura.

Sua receita leva ovos, açúcar e coco ralado e geralmente é feito em formatos de empadinhas ou  mini pudins. Confira a receita do quindim.

Ingredientes:

1 Xícara de coco ralado;

16 gemas;

1/2Kg de açúcar

2 Colheres (sopa) de manteiga;

½ Xícara de água.

Modo de preparo:

Junte a água e o açúcar, leve ao fogo e deixe cozinhar até chegar ao ponto de fio brando (mergulhe uma colher na calda, levante-a e deixe a calda cair lentamente na panela, se formar um fio, este é o ponto);

Retire do fogo, junte a manteiga e deixe esfriar;

Adicione as gemas e o coco ralado, mexendo tudo até que a massa fique homogênea;

Unte forminhas de alumínio, polvilhe-as com açúcar e despeje a massa;

Leve os quindins ao forno (pré aquecido) em banho-maria;

Deixe até tomarem cor, retire do forno, espere esfriar e sirva.

Quer ver mais receitas juninas? Confira aqui as receitas de bolo de fubá, canjica, arroz doce, pé de moleque e pamonha.