Delícias juninas: Pamonha


Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Hoje é dia de São João!! E para comemorar vamos falar de mais uma das delícias juninas, a receita de hoje é a Pamonha.

João Batista era sobrinho de Maria (mãe de Jesus) e recebeu esse nome por pregar o batismo, foi ele que batizou Jesus no rio Jordão. Homenageado na data de seu nascimento, o São João é comemorado em vários países com fogueira, festa, música e comida farta.

A pamonha é feita geralmente com milho verde ralado e misturado com leite ou leite de coco, sal ou açúcar e alguns preparos utilizam especiarias, ela é servida na própria palha do milho, em forma de saquinho. De origem incerta, alguns dizem que a receita veio com os escravos africanos, já outras pessoas contam que ela é de origem indígena, e não só brasileira, mas de toda a América do sul, incluindo os Incas e Maias. O nome “pamonha” vem da palavra tupi pa’muñã, que significa pegajoso.

Veja a receita da pamonha

Ingredientes:

6 Espigas de milho verde com palha;

½ Xícara (chá) de açúcar;

½ Xícara (chá) de leite de coco;

1 Pitada de sal.

Modo de preparo:

Descasque os milhos cuidadosamente e reserve as palhas inteiras;

Rale as espigas no ralador grosso;

Em uma tigela, acrescente o açúcar, o leite de coco e o sal, mexendo cuidadosamente;

Passe as palhas reservadas em água fervente por alguns minutos.

Em seguida, dobre-as ao meio e costure-as dos lados, para formar um saco pequeno.

Preencha com o creme de milho e feche a ponta amarrando com um barbante.

Em uma panela grande, ponha água para ferver.

Coloque as trouxinhas de milho na água fervente e cozinhe por aproximadamente 90 minutos.

Retire com o auxílio de uma escumadeira e deixe escorrer. Sirva frio ou quente.